Friday, February 20, 2009

New PortableToast


("palmada")

Thursday, February 19, 2009

Danos Colaterais II

E lá fui eu ao dentista...e levei o dente
Mas o dentista...não tratou do dente
E com o dente...doi-me o estomago
E com o estomago...sai do dentista
Eu bem disse que não era boa ideia.

Tuesday, February 17, 2009

Danos Colaterais

E veio o sol...e os olhos doem,
E fui às pinhas...e arranquei um dedo,
E veio o sol...e fiquei com uma dor de cabeça,
E com a dor de cabeça...veio um dente a doer,
E com o dente a doer...tomei um comprimido,
E com o comprimido...doi-me o estomago,
E com o estomago...cá estou eu.

In Ensaio Sobre a Consequência by VP

Sunday, February 15, 2009

Fez hoje...


...8 anos, mas continua a ser o meu bebé número 1.

Friday, February 13, 2009

CSI / 24h / House - Episodio 2 - Temporada 2


...um dia tinha passado, até que resolvi voltar.
Encaixei o gato dentro da sua caixa, a caixa dentro do elevador, o elevador dentro do carro e lá fui eu.

Pensava eu que iria ser rápido e pensei bem...cheguei ao VET desencaixei a caixa de dentro do carro e encaxei dentro do VET, quando para minha grande surpresa quem estava dentro da sala de espera?

...as minhas amigas do dia anterior com os seus companheiros e amigos os 3 caes, mas desta vez sentadas.

O dialogo entre estas duas senhoras e os três caes era fenomenal, desde o "para onde estás a olhar?" ou o ainda mais espectacular "chega-te para aqui e dormes em pé". O meu olhar fixo aguardava uma reacção por parte dos caes...mas não, nada.

E 10 minutos depois, lá me chamaram "o senhor da gatinha smartie pode entrar"...pensei eu "gatinha??".

Depois de ter explicado que era um gato 3 vezes e depois da VET ter continuado a chamar gatinha, resolvi desistir.

Tudo parecia estar a correr bem, não tinha ficado muito tempo à espera, os 3 cães não libertaram nenhum gás tóxico...tudo perfeito.

Dado o comprimido ao gatO e cortadas as unhas ao gatO, encaixei-o novamente na caixa e quando cheguei ao balcão para pagar o inexperado aconteceu.
É verdade...a VET tinha mesmo a banda sonora do Rei Leão como toque do telemóvel...e fez-me ouvi-la até ao fim...
3 euros depois fui-me embora...e quando já tinha saido da sala...olhei para trás...

...e o senhor das moletas estava já a sair do VET.

Wednesday, February 11, 2009

CSI / 24h / House - Episodio 1 - Temporada 2


Fui ao VET com o gatinho...imaginem isto...fui ao vet com o gatinho.

Eram 11 da manhã quando cheguei ao veterenário, um sitio que dadas as suas caracteristicas se assemelha a um centro de saúde, daqueles públicos, onde a comunidade mais idosa se reune diariamente e pontualmente com todo o seu expolio animal, em comunhão com a experiência mútua num convivio (mais uma palavra que odeio) alegre e perfumado (tão bonita esta frase...).

Ao entrar encontrei em plena gargalhada duas senhoras, uma agarrava pela trela 3 cães a outra simplesmente estava no balcão. Os 3 cães tinham tamanhos diferentes, cores diferentes e raças diferentes (será que tinham raça?), no entanto todos eles tinham algumas caracteristicas comuns, eram certamente mais velhos que a senhora e todos eles perto do fim (hoje tou assim pro biblico).
Não foi preciso muito tempo para perceber do que se riam, até porque o cheiro instalado naquela sala era de todo suspeito.
Após ter tirado a senha e a senhora me ter dito que era rápido, porque estavam a "cozer a pata daquela senhora" (sim este VET tem senhas e cozem patas de senhoras que estão com um ar furioso à espera) e depois de ter assistido em "loco" aos primeiros 27 peidos dos caes acompanhados pelas gargalhadas das senhoras, resolvi sair para apanhar ar (mas deixei o gato lá dentro). Felizmente as senhoras não demoram muito até porque devia estar na hora de qualquer coisa noutro sitio qualquer e lá sairam arrastando os caes pelas trelas, foi ai que resolvi entrar...eram 11h30.
Eram 11h30 quando o senhor que estava a 5 metros da porta às 11h00 tinha entrado. As duas moletas não lhe permitiam grandes loucuras, logo fazendo as contas rapidamente e considerando que morava num raio de 100 metros, provavelmente tinha saido de casa 10 horas antes e lá chegou ao balcão...queria comprar vacinas, mas não se pode vender vacinas, mas ele já as tinha comprado, mas não se pode, mas ele já tinha comprado noutro sitio, mas não se pode, mas o sitio onde comprou fechou, mas não se pode, mas ele sabia dar as vacinas, mas não se pode, mas ele tinha 4 cachorros, mas não se pode, mas ele não conseguia trazer os cachorros, mas não se pode, mas ele queria mesmo, mas eu mando um VET lá casa, mas eu não quero, mas não se pode...e o discurso entre o senhor e a senhora no balcão continuou repetidamente...até que...
...era 11h40 o senhor disse "acabou-se" e virou-se para se ir embora.
Em simultaneo entre as 11h15 e as 11h45 uma senhora que tinha adoptado uma "cadelinha", sim não era uma cadela, era uma cadelinha e chamava-se "madonna" (medo), queria fazer a revisão ao cão, até porque não tinha documentação nenhuma mas já tinha sido sócia, mas tinham que verificar no computador, e perguntou quanto custava a revisão ao cão, custava 37 euros, mas era valor de não sócio, mas ela já tinha sido sócia, mas isso tinha que se ver no "outro computador", mas precisava de saber o valor, mas antes tinha que se ver se era sócia, mas sou sócia?, isso tenho que ver no computador...e assim sucessivamente durante 30 minutos.

Eram 11h50 fui-me embora sem ser atendido, até porque era rápido mas já tinha passado uma hora, fechei a porta liguei o carro...desliguei o carro e abri a porta...fui buscar o gato que tinha deixado na sala e depois sim fui-me embora...olhei para trás...

...o senhor das moletas ainda se estava a virar...

Tuesday, February 10, 2009

Pizza

Photobucket
Temos que comprar uma destas.

Monday, February 9, 2009

Thursday, February 5, 2009

ToDaY



Não me parece muito mau, ou parece?

Tuesday, February 3, 2009

CSI / 24h / House - Episodio 2 - Temporada 1

Eram 8 da manha...

O céu estava nebulado, o chão frio e gélido acordava parte de mim.
Já equipado, oiço uma melodia interrompida por um silêncio...alguém tocava à porta.
Caminhei pela nuvem de vapor e respirei fundo...quem seria? Lentamente espreitei pelo óculo e vi, era ela!

Abri a porta, o traje era normal, de mala ao ombro e aparentemente disfarçada, mesmo assim ela não me enganava.

O sotaque escondia o segredo e rapidamente percebi que hoje era “o dia da limpeza” (em Inglês The Cleaning Day...bizarro não é?).

Disse-lhe que a lista estava na mesa ( the list is on the table) e minutos depois ouvia o som da fúria que se libertava como consequência da sequência desta mesma lista até que...

... acontece o imprevisto, era uma armadilha e com um sotaque estranho as exigências tinham começado, mas quem engana Jack? Jack Silva? A luta previsível de palavras rapidamente acabou como rapidamente tinha começado os danos eram evidentes, mas negociar naquela língua estranha era difícil, mas uma coisa me ficou na memória...o que ela queria dizer com “fazer caixa?” seria um novo explosivo? Um trabalho de carpintaria?

A própria internet não desvendava o mistério, as pesquisas eram inúteis e todas elas levavam a um beco sem saída, o resultado era sempre o mesmo “Não existe nenhuma página com esse título.”, seria isto o que queria dizer?

Lembrei-me então que tinha deixado os planos para a sua exclusão na mesa, era uma manobra de diversão apenas para a onda de ameaças e exigências pudessem terminar. Quando me preparava para os mostrar...

...tinham desaparecido!

Procurei por todo o lado, interroguei violentamente o gato, ameaçando colocar o seu rato de pano na taça da água...mas nada. Era óbvio quem os tinha roubado.

Até que perguntei “Onde estão os documentos?”...e ela disse...

Eram 9 da manha.

...continua...